Espaço das Artes em Aracati recebe a exposição “Paisagens Afetivas” durante o VI Festival de Gastronomia e Cultura do Aracati.

A mostra coletiva reúne obras de 16 artistas, com múltiplas linguagens, sempre representando a paisagem como patrimônio pictórico.  

Pintura em Madeira Ivan Guimarães

A exposição  coletiva “Paisagens Afetivas” aberta na última sexta-feira, 17, no Espaço das Artes, equipamento da Secretaria de Turismo e Cultura de Aracati que funciona no Casarão do Barão de Messejana, reúne obras de 16 artistas, cearenses ou que se radicaram no Ceará, e que reverenciam as paisagens afetivas, constituídas no imaginário de cada artista e representadas de formas diversificadas, demonstrando a multiplicidade dos referenciais artísticos de cada um.

Nesse trilhar, a paisagem se  torna o mediador da relação do homem com o mundo e busca conectar a sociedade e a natureza.  Andréa Dall’Olio, Celso Oliveira, Cumbe Art, Demeilson Ferreira, Flávia Memoria, Gabriel Gripp, Grupo Oicos, Ingrid Barreira, Ivan Guimarães, Júlio Jardim, Neil Preece, Paula Siebra, Ricarto Tavares, Ricardo Bezerra, Silicogravadores de Majorlândia e Wilson Neto, fazem parte do coletivo e tomam a paisagem como património pictórico representado em pinturas, desenhos, fotografias, aquarelas, esculturas e arte têxtil.

A linguagem artística do audiovisual, também esteve presente no Espaço das Artes, através do lançamento do curta-metragem “Não me olhe com o Canto dos Olhos", da produtora de Del Picchia Filmes, baseada em Aracati. Inédito, o curta, selecionado em trinta festivais internacionais e premiado em três deles, foi exibido gratuitamente.

Já a artista Paula Siebra, apresenta o curta “De Cor e Areia”, projeto que  nasceu espontaneamente durante pesquisa iniciada em 2021, com o intuito de documentar a prática da silicogravura na vila de Majorlândia, no Ceará. Através de uma metodologia de mapeamento dos mestres e de suas respectivas histórias e referências imaginárias, o documentário envolveu quatro artistas: Carlos Eduardo da Rocha (Dudui), Cosma Freitas, Edgar Freitas e João Crisóstomo.

A exposição, que tem a curadoria de Nathalie Nicolas e co-curadoria de Andréa Dall’Olio, é uma Realização Instituto de Estudos, Pesquisa e Desenvolvimento Vale Jaguaribe - Instituto Vale do Jaguaribe - IVJ, que promove, articula e desenvolve projetos culturais na região de jaguaribana. A produção é da Prefeitura de Aracati, através da Secretaria da Cultura com o apoio de recursos da Lei Complementar nº 195/2022 - Lei Paulo Gustavo. “Paisagens Afetivas”  recebe o expressivo  apoio do Centro Universitário Multiversa do Jaguaribe - UNIJAGUARIBE. 

Pintura a Óleo de Ricarto Tavares

Fotografia Ingrid Barreira

Serviço

Exposição “Paisagens Afetivas" no Espaço das Artes em Aracati.Local: Rua Coronel Alexanzito, 763 – 2º andar. De 17 de novembro de 2023 até janeiro de 2024.

De 20 de novembro de 2023 até Janeiro de 2024. Segunda a Sexta, das 09h às 18h. Sábado, das 09h às 13h.



Comentários

Mais conteúdo

João Inácio Júnior fala sobre os resultados de biopsias na cabeça

ArtePraia virou documentário

Empreendedores compartilham experiências através do podcast “Fala, Empresário!”